terça-feira, fevereiro 13, 2024

por O Gol
0 Comente

O Sevilla contou com a efetividade do seu ataque e a falta de inspiração do Atlético de Madrid para garantir uma vitória magra por 1 a 0, no Ramón Sánchez Pizjuán. Os Blanquirrojos abriram o placar cedo e seguraram o triunfo por toda a partida.

Com a vitória, o Sevilla ganhou fôlego na briga contra o rebaixamento, chegando aos 23 pontos e subindo para 15°. Já o Atlético, com 48, colocou a quarta colocação em risco.

Vantagem do Sevilla

Sevilla e Atlético de Madrid fizeram um duelo equilibrado e movimentado no primeiro tempo. Com dois times dispostos a atacar, as chances surgiram de ambos os lados, mas somente foi aproveitado por um.

Do lado colchonero, Álvaro Morata foi o jogador mais procurado, mas estava longe dos seus dias inspirados. O artilheiro da temporada ficou com as melhores chances do Atlético, mas não aproveitou nenhuma delas. Para piorar a situação, o centroavante espanhol ainda sofreu uma lesão no joelho e precisou ser substituído.

Em casa, o Sevilla respondeu com Jesús Navas e En-Nesyri e também levou perigo contra a meta de Oblak. Mais agudo nas suas iniciativas, os donos da casa não demoraram para abrir o placar. Aos 15, Lucas Ocampos desviou escanteio no primeiro poste e Isaac Romero completou para as redes.

Mesmo desperdiçando boas oportunidades e perdendo seu principal artilheiro, o Atlético ainda contou com a sorte para não sofrer um prejuízo ainda maior na etapa inicial. Isaac Romero teve a chance de anotar o segundo e parou no poste.

Sevilla segura a pressão e garante vitória

Com Memphis Depay e Nahuel Molina como novidades na volta do intervalo, o Atlético de Madrid iniciou uma blitz logo cedo e voltou a cometer os mesmos erros. Os Colchoneros foram criativos para gerar boas alternativas e não capricharam na hora de marcar.

Logo aos seis minutos, Depay ficou livre dentro da área e desviou fraco em direção ao gol, permitindo que Jesús Navas salvasse em cima da linha. No bate-rebate, a bola retornou ao atacante holandês e acabou saindo pela linha de fundo.

Além de Depay, Samuel Lino e De Paul também foram vítimas da falta de pontaria colchonera e jogaram fora a chance do empate. Aos poucos, o Atlético foi perdendo o ímpeto pelo ataque e diminuindo a pressão.

O Sevilla soube segurar bem as iniciativas da volta do intervalo e novamente mostrou efetividade no ataque. Mesmo com a pressão visitante, os comandados de Quique Flores ainda acharam um contra-ataque e quase ampliaram a vantagem. Ocampo recebeu em velocidade e mandou nas redes, mas o assistente apontou impedimento.

Durante o restante da etapa complementar, o Atlético voltou a ensaiar uma pressão sem conseguir repetir a inspiração para criar. O Sevilla aumentou a atenção na defesa e segurou a vitória magra.

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

News Post 2025 © Todos direitos reservados