domingo, abril 14, 2024
Home Brasil SP: ação da PM em Paraisópolis termina com um morto e tumulto com população

SP: ação da PM em Paraisópolis termina com um morto e tumulto com população

por carolinagomes
0 Comente
sp:-acao-da-pm-em-paraisopolis-termina-com-um-morto-e-tumulto-com-populacao

Uma ação de policiais das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) em Paraisópolis, na zona sul de São Paulo, deixou uma pessoa morta. Moradores protestaram contra a ação dos agentes nas redes sociais.

Segundo a Polícia Militar, a ocorrência começou após uma denúncia de que dois homens em uma moto haviam praticado um roubo e fugiram em direção a comunidade.

Após o acionamento, uma equipe do 1º Batalhão de Polícia de Choque, a Rota, que estava em patrulhamento na área viu os suspeitos com a moto usada no crime e uma outra que havia sido furtada no mesmo dia.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), ao perceberem a aproximação da polícia, os pilotos das motos tentaram fugir, mas caíram. Ambos correram e tentaram se esconder no estacionamento de um supermercado. Um deles foi encontrado no banheiro do estabelecimento e, ao ser abordado, teria apontado uma arma para a equipe policial, que atirou.

O homem foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital do Campo Limpo, mas não resistiu aos ferimentos. O outro suspeito conseguiu fugir.

De acordo com a Polícia Militar,  um revólver calibre .38 com numeração alterada foi encontrado com o suspeito morto, e uma pistola calibre 380 foi encontrada próximo ao local da abordagem.

Moradores da região alegaram, por meio das redes sociais, que houve truculência policial na ação. Um vídeo mostra policiais militares momentos após terem arremessado bombas de gás lacrimogêneo na frente de um comércio. Segundo a corporação, a medida foi tomada após “hostilização dos civis que assistiram a cena”.

Em nota, a SSP afirmou que as armas envolvidas na ação foram apreendidas e encaminhadas para a perícia. As duas motocicletas também foram apresentadas no 89º DP. O caso foi registrado pela Polícia Civil e será investigado com o apoio do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

(*Sob supervisão de Carolina Figueiredo)

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

News Post 2025 © Todos direitos reservados